Precisa de ajuda ?

Tintura vegetal: Saiba como utilizá-la e quais os benefícios

tintura vegetal
Carregando... 984 visualização(s)

Tintura vegetal: Saiba como utilizá-la e quais os benefícios

 

 tintura vegetal


Na fitoterapia, existem diversas maneiras de aproveitar os benefícios terapêuticos das plantas medicinais. A pessoa pode adquirir um chá, um óleo essencial, uma infusão ou, ainda, uma tintura vegetal. 

A diferença entre os métodos está associada à forma de produção, ao efeito e à eficiência do uso.

Nesse sentido, cada forma de extração vai mudar de acordo com o nível de pureza que garante da planta, o que significa maior intensidade dos seus efeitos. 

Por isso, é importante conhecer esse assunto para explorar ainda mais os benefícios que a natureza tem a oferecer.

Confira e aprenda mais sobre o tema!

Afinal, o que é tintura vegetal?

Em suma, uma tintura vegetal é uma metodologia de extração dos componentes e benefícios poderosos de uma erva ou planta medicinal. 

Afinal, sabemos que as plantas contêm propriedades e um potencial para tratamentos de saúde mental e física. Então, é preciso saber como extrair esses princípios. As tinturas ajudam nisso.

Diferentemente de outros métodos, a tintura vegetal envolve a maceração das plantas com o apoio do álcool. Com um processo que envolve moer as plantas, reuni-las em um recipiente e aplicar o álcool, é possível extrair o melhor delas, com a pureza necessária para causar o efeito positivo esperado.

o que é tintura vegetal

Assim, as tinturas servem como compostos que representam aquelas plantas, sendo usadas para quem deseja explorar suas propriedades. São vendidas assim em locais apropriados. 

Além do uso em tratamentos de saúde, há de se destacar, também, a aplicação para outras finalidades, como na estética. 

Fitoterapia x Tinturas vegetais: Entenda a relação

Como já apresentamos na introdução, as tinturas ajudam a desenvolver o ramo da fitoterapia, pois permitem o consumo das plantas medicinais. É possível extrair apenas os elementos positivos, bem como eliminar elementos de toxicidade — aquilo que não é bem-vindo.

A fitoterapia é justamente a busca por tratamentos com o apoio de componentes vegetais e naturais. Então, se dedica a estudar as melhores formas de extrair os elementos intrínsecos e de construir produtos utilizáveis com base nisso. 

Assim, cada tintura está associada a um conjunto de benefícios e propriedades, de acordo com a planta em questão. Os estudiosos do assunto então se guiam pelo que já se sabe sobre cada erva.

Sendo assim, quem busca se aprofundar nesse universo geralmente começa com uma necessidade muito clara, algo que busca solucionar ou estudar com o uso desses elementos. 

É importante ter isso em mente e saber que as plantas possuem efeitos muito específicos e diferentes entre si. 

Para que serve a tintura vegetal?

Além do que já falamos, da aplicação em terapias, as tinturas também são aplicáveis em estética, no aproveitamento dos aromas e das características dos perfumes das plantas. No caso de ervas dedicadas a isso, por exemplo.

Nesse caso, pode servir para a produção de cosméticos naturais ou para outros fins.

Em suma, a tintura serve para obter os benefícios de elementos naturais da melhor maneira, com uma porcentagem segura e saudável dos princípios ativos. 

Como utilizar da melhor forma

A melhor forma de consumir tinturas é entender as características de cada produto. Geralmente, ao comprar cada item, você já dispõe de informações em rótulos ou até no site de compra. 

O mais comum é usar as gotas diluídas em outras bebidas, como água ou suco. Assim, é possível aplicar os efeitos e as propriedades das plantas no dia a dia, de maneira natural. 

Essa aplicação facilita o tratamento contínuo, o que é indispensável para gerar os efeitos. 

Quais são os benefícios da tintura?

As tinturas vegetais se destacam justamente pelos benefícios que apresentam. Nesse sentido, elas são objeto de fascínio e de estudo por muitos.

Um dos principais efeitos que se obtêm com várias tinturas é o efeito calmante. Nesse sentido, as plantas extraídas ajudam no controle de ansiedade, no relaxamento, no controle de atividades cerebrais e na regulação do fluxo sanguíneo.

Como resultado, as pessoas se sentem mais calmas, tranquilas, com menos estresse. Assim, conseguem dormir melhor e encarar as situações do dia a dia com maior leveza.

Atuam contra doenças cardiovasculares, contra enxaqueca, contra asma e muito mais. Além disso, podem ser importantes para tratar feridas, hipertireoidismo, dismenorréia, taquicardia e outros. 

benefícios da tintura vegetal

Seu efeito antioxidante também é muito comentado. Nesse sentido, as tinturas permitem retardar o envelhecimento e garantem uma conservação maior das células do corpo. 

Se formos falar os benefícios de todos os produtos de extração das plantas, claramente, teremos uma lista longa. Por isso, é importante falar em aspectos específicos de cada erva e de cada produto. Assim, fica mais fácil categorizar as tinturas e saber como utilizá-las. 

É a proposta do próximo tópico. 

Benefícios de alguns tipos

Vamos falar das propriedades terapêuticas de quatro principais tinturas: sucupira, dente de leão, hortelã e camomila.

Tintura vegetal de sucupira

Uma das principais características da sucupira é sua ação contra artrite, reumatismo e problemas nas articulações. Além disso, apresenta ação antioxidante, cicatrizante e auxilia no combate a tumores e micróbios. 

Também contribui com o combate a úlceras e ajuda a equilibrar os níveis de açúcar no corpo. 

Tintura vegetal de dente de leão

Dente de leão é sinônimo de tratamentos voltados a questões renais. Ademais, pode ser eficiente no tratamento de pedra na vesícula, bem como infecções na região na bexiga. Se destaca por seu forte poder diurético. 

Além disso, essa tintura reduz o risco de câncer, ataca problemas cardiovasculares e também é muito bom para o fígado. 

Tintura de hortelã

Temos também a hortelã. Ela ajuda contra colesterol desregulado, reduz enjoos, pode ser eficaz na digestão, bem como é usada contra cólicas e dores de cabeça. Além disso, é interessante para dores musculares, reumatismo e artrite. 

Camomila

Camomila, por sua vez, é essencial para gerenciar problemas digestivos e demais problemas relacionados ao estômago. Tem forte efeito antisséptico, anti-inflamatório, etc.

A camomila também é muito reconhecida pelo seu efeito sedativo calmante e pelo combate à ansiedade. Nesse sentido, pode servir em um tratamento contra a insônia, por exemplo. 

Tintura vegetal x tintura-mãe entenda as diferenças

Quando falamos em tinturas, é preciso esclarecer as diferenças entre esses conceitos similares. Afinal, isso permite distinguir os dois tipos.

Vamos observar as principais características e os pontos em que eles se separam. 

Tintura vegetal 

É produzida a partir da imersão das ervas em um pote com álcool. Essa solução permite a extração das características e dos fitoativos (compostos que possuem as propriedades terapêuticas). Possui uma proporção maior de planta por solução, geralmente na casa dos 20%.

Tintura-mãe

A tintura-mãe, por sua vez, corresponde a um modo de extração com maior quantidade de fitoativos e, portanto, maior pureza das plantas. Possui uma proporção de 10% de recursos da planta na solução. 

tintura vegetal mãe

A extração é um pouco mais pura por envolver um processo que lida diretamente com a planta em estado fresco. 

Tinturas de plantas diferentes

Também é preciso ter cuidado quanto ao uso de tinturas de plantas diferentes, ao mesmo tempo. Em geral, é preciso analisar cada caso, pois cada um apresenta uma certa especificidade.

O recomendado é seguir as indicações de especialistas, nesse caso, e garantir o uso de acordo com essas opiniões. 

Essa mistura pode ser útil, caso as plantas estejam de acordo com o objetivo e não apresentem contra-indicações relevantes. 

Qual a diferença entre tintura vegetal e extrato vegetal?

Também é importante diferenciar as tinturas de outro modo de extração, o extrato. 

O extrato vegetal geralmente representa maior concentração de fitoativos, por isso, possui um efeito mais pronunciado. 

Na extração dele, também se adota glicerina, em contato com o álcool. 

Ao passo que tinturas vegetais são exclusivamente produzidas com soluções alcoólicas. 

Onde comprar tintura vegetal?

É fundamental ter uma fonte confiável para entender melhor sobre tintura vegetal e também para adquirir os produtos. O site Natureza Divina é um exemplo.

Na loja virtual, você confere vários tipos de tintura que ajudam em tratamentos mentais e físicos, de acordo com as propriedades terapêuticas que você deseja. Assim, é possível estudar e entender os efeitos na prática.

No nosso blog, você entende melhor como funcionam as plantas de poder e métodos de extração. 

Confira várias opções de extratos e tinturas e aproveite os seus benefícios!

Conclusão

A tintura vegetal consiste em um modo de obter as propriedades das plantas de uma forma diluída. Assim, é uma concentração de fitoativos, sem toxicidade e sem impurezas, em forma de gotas para aplicar em bebidas.

Nesse sentido, é um item imprescindível na fitoterapia e nos tratamentos à base de plantas medicinais. Garantem os benefícios de uma forma regular e consistente, de modo a assegurar o melhor dos resultados em um tratamento contínuo.

 

 

Previous article:
Next article:
Posts relacionados
Comentários
Deixe seu comentário
Seu endereço de e-mail não será publicado