Precisa de ajuda ?

Absinto Losna em Pó-50 gramas em pó

Em estoque
Só resta %1
A Losna Absinto (Artemisia absinthium) é uma planta herbácea perene que pertence à família das asteráceas bastante usada para uso medicinal por conta das suas propriedades antissépticas, anti-inflamatórias e antioxidantes, trazendo vários benefícios para o nosso organismo. Saiba mais...
A partir de R$ 10,00

O que é a Losna Absinto?

A planta Absinto ou Losna (Artemisia absinthium), também conhecida como Absinto Losna, é do tipo herbácea perene, e pertence à família das asteráceas. Ela é nativa da Europa, Ásia e norte da África, mas hoje em dia pode ser encontrada em todo o mundo, especialmente em regiões temperadas.

Como é a Absinto Losna?

A Losna Absinto possui um aroma forte, amargo, e é conhecida há séculos por suas propriedades medicinais e culinárias. Ela é uma planta bastante resistente e pode crescer até cerca de um metro de altura.

As folhas de Absinto são finas e delicadas, em tom verde-acinzentado. Já as suas flores são pequenas e amareladas. Essa planta prefere solos bem drenados e ensolarados, mas também é capaz de crescer mesmo em condições de seca.

Para que serve a Absinto? 

Historicamente, a Losna Absinto vem sendo utilizada para tratar uma variedade de condições médicas, como vermes intestinais, problemas digestivos e até mesmo epilepsia. 

Ela é conhecida ao redor do mundo por suas propriedades antissépticas, anti-inflamatórias e antioxidantes, o que a torna uma planta versátil para o uso medicinal.

Outra funcionalidade da Losna é que ela é frequentemente usada na produção de bebidas alcoólicas, como o famoso licor de Absinto, além de ser utilizada em chás e na produção de tinturas medicinais.

Adquira seu absinto losna em pó aqui na Natureza Divina e conheça mais plantas medicinais como essa! Somos referência em qualidade e confiabilidade em todo o Brasil com nossos produtos, entre eles etnobotânicos, plantas energéticas, chás para emagrecer, itens de higiene pessoal naturais.

Como usar a Absinto Losna em Pó?

Há diversas maneiras de inserir a Absinto Losna em pó no seu dia a dia. Você pode colocar na água, no suco ou fazer um chá.

Para usar com água ou suco, o indicado é misturar uma pequena quantidade para diluí-lo ou colocar em uma garrafinha e agitar bem, garantindo uma mistura mais uniforme.

O ideal é que você beba a mistura ou chá antes de uma refeição. Seguindo as instruções de uso e dosagem, evita efeitos colaterais indesejados. 

Esteja ciente de possíveis interações com outros medicamentos ou condições de saúde, é sempre bom procurar um profissional de saúde antes de iniciar um novo suplemento, para melhores orientações de uso e quantidade indicada para o seu consumo pessoal. 

Importante: guarde o pó de losna em um recipiente com boa vedação, longe da luz solar direta e da umidade, seguindo as instruções de armazenamento do fabricante.

Quais os benefícios do chá da Losna? 

O chá de Losna Absinto oferece inúmeros benefícios para a saúde do nosso organismo, auxiliando para uma digestão mais saudável, além de aliviar desconfortos estomacais, contribuir para a desintoxicação do corpo e ajudar a melhorar o foco e a concentração.

Com todos esses benefícios, o chá de Absinto traz um bem-estar geral, principalmente por conta das suas propriedades calmantes. A nossa pele também se beneficia, graças às propriedades antioxidantes dessa planta.

Quantas vezes posso tomar Losna Absinto? 

De forma geral, o indicado é consumir uma xícara de chá ou copo de suco/água com a Losna Absinto antes das refeições, com limite de duas vezes por dia. Lembre-se de consumir com moderação e consultar um profissional de saúde antes de iniciar o consumo com mais frequência. 

Quando consumida em quantidades maiores sem acompanhamento profissional, a Losna pode causar efeitos colaterais como sangramentos, cólicas fortes na região do abdômen, pressão alta, problemas nos rins e no sistema nervoso, tremores, convulsões, náuseas, vômito, entre muitos outros.

Qual é a contra indicação da Losna? 

A Losna Absinto não deve ser usada por crianças, pessoas com alergia à planta, porfiria, problemas renais, epilepsia, sintomas de problemas hepáticos. Ela também é contraindicada para mulheres grávidas devido ao seu potencial abortivo.

Mulheres que estejam amamentando e pessoas em tratamento com anticoagulantes ou remédios para epilepsia devem evitar, além de pessoas em tratamento de alcoolismo que tomem o remédio Dissulfiram.